CREDENCIAMENTO ABCD 2020

BEM-VINDOS À PÁGINA DE CREDENCIAMENTO ABCD 2020.

 

VEJA A SEGUIR COMO SOLICITAR SEU CREDENCIAMENTO PARA A TEMPORADA 2020

Antes de solicitar o credenciamento, clique nos respectivos ícones abaixo e informe-se sobre os procedimentos e normas. 

ORIENTAÇÕES     VALOR DA ANUIDADE 2020    TERMO DE USO


Agora que você conhece as orientações e normas, preencha o formulário de credenciamento abaixo de acordo com sua demanda.

CADASTRO DE EMPRESA    NOVO CADASTRO RENOVAR CREDENCIAL

OBSERVAÇÕES
1 – O preenchimento do formulário “cadastro de empresa” é obrigatório para aquelas que não solicitaram credenciamento em 2019;
2 – Quem não possui a credencial do ano 2019 deverá preencher o formulário “NOVO CADASTRO”;
3 – Todos os estagiários, obrigatoriamente, deverão preencher o formulário “NOVO CADASTRO”.

É imprescindível que o profissional credenciado pela ABCD conheça todas as normas e procedimentos para atuar nas coberturas dos jogos de futebol realizados no âmbito da jurisdição da Federação de Futebol do Distrito Federal. Para tanto, leia os protocolos e documentos a seguir:

ÁREA DO ASSOCIADO – OUTRAS INFORMAÇÕES QUE VOCÊ PRECISA SABER

CÓDIGO DE ÉTICA DO CRONISTA ESPORTIVO

PROTOCOLO GERAL DE IMPRENSA DA ABCD 2020

PROTOCOLO DE ACESSO – ESTÁDIO MANÉ GARRINCHA

PROTOCOLO CBF

CONVÊNIO ABCD / FFDF

CADASTRO EVENTUAL

Fundada oficialmente em 8 de maio de 1975 e inscrita no CNPJ sob o nº 00.720.722/0001-10, a Associação Brasiliense de Cronistas Desportivos – ABCD –  é a única entidade regulamentada e habilitada no Distrito Federal, na forma da Lei Federal 9.615/98 – Artigo 90 F, para credenciar jornalistas, radialistas, fotógrafos e profissionais da área técnica, possibilitando-lhes exercer suas atividades profissionais em local de trabalho facilitado.

O acesso livre e gratuito de todos os profissionais de imprensa credenciados pela ABCD às praças esportivas (estádios, ginásios e outros) no Distrito Federal e Entorno está assegurado e garantido pelo artigo 90-F da Lei Federal 9.615/98. “Os profissionais credenciados pelas Associações de Cronistas Esportivos quando em serviço têm acesso a praças, estádios e ginásios desportivos em todo o território nacional, obrigando-se a ocupar locais a eles reservados pelas respectivas entidades de administração do desporto. (Incluído pela Lei nº 12.395, de 2011)”.